• Fora de Estrada

Satisfação! A Alma da Twins’N’Rods!

A vontade de nos comprometermos a dar um passo adiante e criar algo, nasce muitas vezes - se não todas - de uma conjugação de factores. Uns aleatórios! Outros são impostos pelo dia-a-dia a que chamamos vida! Algumas vezes por pura coincidência (para quem nela acredita)!


Mas também apenas porque sim e porque não!


Motores V-Twin e Hot Rods são a paixão do Hugo, que leva mais de 10 anos de mãos na massa… ou melhor… nos motores! Óleo daqui! Filtros dali! Reconstruções! Reparações! A sua paixão.

Mas era acima de tudo uma paixão não correspondida!


Apesar de tudo! Faltava a satisfação! E quando fazemos aquilo de que gostamos, mas não sentimos satisfação, então de pouco ou nada vale! Se é para fazer… tem que valer! Tem que ser #aiprascurvas! Caso contrário é “fazer as malas” e mudar de faixa, ou de trilho.


A Twins’N’Rods… obviamente inspirada nas duas paixões do Hugo (motores Harley V-Twin e Hot Rods), surge da insatisfação de acordar de manhã sempre com um pensamento que vinha de braço dado com um suspiro - “pronto, tenho que ir trabalhar!”… - Faltava a satisfação!

O Hugo queria mais! Sabia o que queria! E como tudo na vida… alinhados os factores, decidiu! Ele queria mesmo “live what you feel”.


Mas, tal como todos sabemos, é muito, mas mesmo muito mais fácil falar do que fazer! Falar é barato, não paga imposto! Fazer custa, faz dores nas mãos e nas costas, obriga a pensar e decidir! Com isto em mente o espaço onde hoje se entra para o mundo Twins’N’Rods é o esforço de três anos de trabalho intenso. Noites, feriados, fins-de-semana, fora de horas, com dedicação total e … sempre e ainda a acordar com a tal sensação e suspiro de ter que se manter a trabalhar até ao dia em que fosse possível abrir as portas.


Foram muitas as tentativas / erro! Foi “arriscar tudo”!… até tornar real aquilo que era apenas imaginário.


Mas finalmente chegou a satisfação!


A satisfação de atingir uma meta só sua, num espaço seu, com ideias e conceitos próprios, em que as directrizes, regras (ou falta delas), e objectivos eram os seus e não os de terceiros. Aqui há apenas um cunho! O pessoal! Aquele toque que o Hugo escuta da boca dos clientes e transforma em realidade! Ou que, tendo total liberdade para isso… ele próprio queima a ferro e fogo.


Quando se arrisca, seja no que for, nunca sabemos se o momento é o certo! Há trabalho! Há sorte! E há, se me permitem, fé (sem conotação religiosa! Confusos?! Não fiquem!).



Há fé porque se acredita… “Vai ser do caraças! Vai ser #aiprascurvas!” Vai… e de repente… chegam os factores aleatórios! Um projecto recente (ainda embrionário como diz o Hugo), não estava, como nenhum estava, preparado para o bicho #Covid19


Ficou mais difícil criar, evoluir, crescer… mas não ficou impossível! Isso o Hugo sabe!…

Ainda mais depois de tantos anos de insatisfação, de sonho, de acreditar! É exactamente isso que o Hugo sabe… ele acredita, sonha e continua a criar! Com ou sem pandemia, com mais ou menos confinamento a Twnis’N’Rods cresce um passo a cada dia!


Não existiu aquilo que se possa considerar como o lançar de uma marca… mas a “marca” quer ser, um dia, uma referência (com o toque do Hugo não de Midas), no mercado da personalização e customização. E isso começa pelas paredes do espaço… que por si só mostram um pouco da arte que as mãos deste empreendedor faz. O espaço é único e customizado a seu gosto… com o SEU (SIM, O SEU E SÓ O SEU), cunho.


O que as paredes mostram foi construído, não foi comprado! (entendem agora os três anos de trabalho?)



E o que esperar de um artista quando se lhe pergunta qual a sua mota preferida… a de sonho?


… “tenho que a construir! Um dia!... a não será, não pode ser, só uma!”


Obviamente seria esta a resposta! Não só pela forma de estar do Hugo, mas também porque (se já se esqueceram), que por aqui “live what you feel” é a verdadeira, e talvez a única, regra! E no fundo até se pode dizer que se assim é, customizar é uma forma de estar na vida. Uma forma de afirmação pessoal como uma tatuagem.


Sendo profundamente apaixonado pela customização, o Hugo vê este mercado repleto de boas marcas e com excelentes profissionais aos quais falta (e muito) reconhecimento a nível nacional. A solução poderá passar por mais eventos (outra área que “morreu” de #Covid19), que permitam desmitificar uma cultura que nem sempre foi (e nem sempre é, digo eu), bem vista.


Claro que quando os há – eventos – como o Setúbal Custom Weekend, ou o Arruda Motorcycle Market, , entre outros, fica uma sensação de que seria simples ter esse reconhecimento. Quem sabe este seja um dos factores (de novo a insatisfação) que podem levar a uma mudança de atitude (e já agora de legislação).


Há muita estrada para andar e muito óleo para mudar neste tema.


Por agora o objectivo da Twins’N’Rods (o do Hugo), é simples… poder viver apaixonado pelo que faz, partilhar a sua paixão com qualquer um “trazendo para a realidade o sonho de cada um, tornar palpável a sua ideia”. Tudo isto… ainda que não tenha o “selo” tem certamente o toque “made in portugal”, pelo menos dentro destas paredes.


E se querem descobrir o quão #aiprascurvas este espaço é… simples….


É só lá ir! O Hugo lá estará, para vos receber com …. Satisfação! (claro!)


Mais sobre a Twins’N’Rods: Facebook / Instagram

58 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo